Marlinda


Espoca o riso

Zoe e mamãe/ Zoe y mamá
Facundo e Zoe/ Facundo y Zoe
Um fato curioso, prestenção!... Estávamos Zoe e eu no jardim Zoe, num banquinho típico de praça quando de repente, aparecem uma babá com dois meninos gêmeos de 1 ano e meio... Óbvio não pensar mais ainda em Mateo. É explícito, é morder lâmina de barbear sendo banguela... Bate aquela saudade, como diria o Renato Russo, "de todo que eu ainda não vi", quero chorar mas quando menos esperava, Zoe me agarra pelo colarinho da camiseta, me puxa e me sorri... Morri, não? Sorriu e me deu uma paz, com se dissesse: "suave na nave, pai". Zoe ri tão intensamente agora, pelas manhãs parece que comeu um pacote de sorrisos angelicais provenientes do céu que esperamos a hora em que ela se desperta para desfrutar de sua alegria que estampa endorfina em nossos corações. Por um convite de Luis Miguel (padrinho de Zoe) fomos com sua esposa e seu adorável filho, o pequeno Facundo de 7 meses a um balneário chamado Asia aqui em Lima. Um calor de rachar mamona, mas ela dentro de casa. Ainda demos uma volta pela orla às 7h, coisa de 20 minutos, quando não havia sol ainda. Parte da costa de Peru, sentido sul, isto é, sentido Chile, é deserto. Deserto de areia, não de desabitado hehehe. E construíram toda uma cidade no meio deste deserto costeiro, algo meio Las Vegas, mas claro, sem a "living la vida loca" de lá.


Éramos 4

Achei essa foto ontem. A antiga cômoda do quarto das crianças em 2013. Ainda continha o porta retrato com o US 4D deles, os bichinhos de pelúcia de cada um abaixo e o quadro com o logo que fiz deles de um desenho de Mr Whaite. Hoje mudou a foto, trocamos os puxadores por uns de rosas brancas. O quadro assinado é o do dia do Chá de Bebê que fizemos em julho de 2013. Pode-se ainda ver os macacões brancos de cada um, uma das roupas amarelinhas de pintinho que cada um tinha. Os sapatinhos... Esse trocador foi a cama de Zoe por um mês quando dormia conosco. Subiámos uma ponta para evitar o refluxo e ela dormia feliz aí. Depois passou a um moisés e quando iria para o berço, a umidade estragou a pintura. Ah, vocês snão sabem disso, né. A umidade em Lima chega a uma tarde meio londrina, a 98% de umidade. E o berço com pintura nova, estragou algumas partes. O marceneiro teve de fazer os reparos... Mas ficou bonito de novo.


Vacina BCG

Aqui se aplica quando o bebê tem 3 kg ou mais de 3 kg. E a vacina BCG? Nosso pediatra sugeriu que não. Uma criança pode ser saudável e não ter nada sem vacina, ao menos que uma pessoa com tuberculose espirre diretamente na sua cara. Não pusemos. Alguém aí não pôs? Pôs? E mais, vocês tomaram diuréticos enquanto estavam gestando? Katy tomou algumas vezes porque suas pernas pareciam que iriam explodir de tanto acúmulo hídrico. As pernas voltavam ao normal quando tomava um comprimido ou quando eu massageava as peranas. Mais adiante,  ela parou por vontade própria, por medo de gerar algum desconforto ou problemas mais sérios aos bebês durante a gestação. As outras vacinas Zoe tomou (contra polio, hepatite-B, difteria, tétano, coqueluche,) aos dois meses de idade.


Trilha

Tender - Blur
LSF - Kasabian

Fake Plastic Trees - Radiohead
Doom & Gloom - The Rolling Stones
 

13 comentários:

  1. Esse sorriso banguela é a coisa mais linda do mundo! Alegra qualquer coração!

    Ela está cada dia mais linda! Muito amor!

    :) Bjo

    ResponderExcluir
  2. Acho que o sorriso de um bebe tão lindo e tão nosso (sua filha no caso rsrs) alegra qualquer um em qualquer situação!!!!!! Ahhh liiiinda Zoe <3
    Bjus
    http://seraquevousermae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Que amor! Que amada!
    Calor de rachar mamona? Essa eu não conhecia, mas ri!
    Ando acompanhando essa questão das vacinas em vários blogs, mas por aqui ainda to longe de ter que decidir.

    ResponderExcluir
  4. Realmente o sorriso da Zoe é contagiante!!! Até à distância ele emociona! ;)

    ResponderExcluir
  5. Nina tomou todas as vacinas... inclusive, agora lembrei que ela precisa tomar a dos 18 meses, e tinha que ser na sexta-feira passada. Obrigada por lembrar.
    Nina vai na escola e lá não aceitam sem as vacinas em dia. O que eu acho muito coerente. Não ia expor minha filha num ambiente onde crianças pudessem levar doenças por não ter vacinas. E também não ia deixa-la sem, visto que estaria muito mais suscetível em pegar doenças.
    Sinceramente, nunca pensei em não dar as vacinas. Sei lá, foi meio no automático do que o médico mandava fazer.

    Quanto aos diuréticos, nunca tomei. Mas também não inchei. só colocava as pernas pra cima, quando cansada.

    Gente, que sorriso mais lindo. Nina acorda todo dia rindo por debaixo da chupeta. Um riso tão gostoso que não tem como ficar de bom humor.

    Bjos e boa semaninha.

    ResponderExcluir
  6. Tava aqui tirando o atraso e lendo os textos que ainda não havia lido. Nossa, incrível como Mateo ainda marca presença. Se do lado de cá chega a dar nozinho na garganta, imagina daí.
    Tenho uma curiosidade, foi uma gravidez múltipla naturalmente mesmo?
    Você perguntou sobre a câmera, aqui faço as fotos da Alice com uma Canon T3i, algumas com a lente 50mm.
    Ah, você comentou de deixar chorar, ai.. vc tem coragem? Aqui nem tento pra ver como é! hehehe Dá bjinhos da Alice aí na amiguinha Zoe!

    ResponderExcluir
  7. Dan tomou todas as vacinas recomendadas pela pediatra...no Brasil ainda temos essa "necessidade"...eu fazia drenagem linfática 3x por semana para evitar o inchaço, mas, não podia tomar diurético porque eu já tenho, normalmente, muitas infecções urinárias, então, melhor não abusar, né?!
    Sorriso da Zoe uma delicia!! Sei exatamente da ansiedade de esperá-la acordar só pra ter esse momento único!!

    ResponderExcluir
  8. aqui nos EUA, na California ao menos, não é dada a BCG. vamos ao Brasil em Março e tô na dúvida, dar ou não! Alice já vai ter 5 meses, tenho medo que a feridinha da vacina incomode, que ela tenha reação logo quando estaremos em férias, sei lá! por enquanto tô com você: nada de BCG por aqui! linda linda Zoe!

    ResponderExcluir
  9. Que sorriso mais lindo! Por aqui as manhãs também são recheadas de risadas banguelas, ou, como você disse lindamente, parece que o Bento comeu um pacote de sorrisos angelicais vindos do céu!

    Nos demos todas as vacinas do calendário, inclusive a bcg. Achei ela bem tranqüila, ao contrário da pentavalente que deu muita reação!

    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Que fotos mais liiindas! Zoe esta cada dia mais princesa!
    Miguel tomou a BCG, aqui no Brasil é obrigatório ne.

    ResponderExcluir
  11. O sorriso banguelo da sua princesinha é mesmo muito reconfortante!!!! Coisa mais linda de se ver!!!!! Tem mesmo que ter comido "um pacote de sorrisos angelicais provenientes do céu"!!! Bjos!!!!

    ResponderExcluir
  12. Nossa Jorge, vacina é tema controverso né?
    Eu aplico todas as obrigatórias aqui do Brasil, mas não saio procurando as outras que são exclusivas do particular. O Brasil é líder mundial em imunização (pelo menos nisso ne), então confio.
    Que bom que aí BCG não é tao necessário, aqui no Rio o foco de tuberculose é bem grande, e eu ficaria muito receosa de não dar. Engraçado que eu tomei bcg quando criança e ainda assim morro de medo de pegar tuberculose de algum paciente, haha. Neuroses...

    ResponderExcluir
  13. Jorge,
    a maravilha das crianças é essa: nos puxar, sorrir e nos trazer de volta à vida, ao agora...
    beijos!

    ResponderExcluir

Sigam-me os bons

Os escolhidos

Os escolhidos
Sim, porque eles nos escolheram.

Quem sou eu

Minha foto
Nasci em 1976 em São Paulo/Brasil - Brasil. Vivo em Lima/Peru. São-paulino, jornalista e pai de Zoe, minha amada filha com minha doce Katy, peruana de Lima. Sou um cara que escreve sobre experiências, crônicas e tudo que se relacionou com a gravidez múltipla dela e crescimento da filhota. Na semana 34 tivemos a ida de Mateo de volta ao paraíso. Zoe ficou para ilustrar nossa vida num 29/10/2013 e nasceu com 36 semanas. Uma prematurinha linda que cresce saudavelmente.

Seguidores