Duas mães para a mãe, por favor.


Ser mãe cansa...

É normal.
Essa noite Zoe estava incômoda com algo e veio o último alerta... Uma explosão que veio da região abaixo da cintura e com cheio a metano que Katy insiste em dizer "huele a rosas" (tem cheiro de rosas).
- Katy, temos de trocar a fralda
- 5 minutos... Somente 5 minutos... E Já trocamos. ZZZZZzzz

Passados os cinco minutos, baixou o espírito do Taz na muié, rodou a baiana e deu um mortal para ligar a luz, preparar a fralda, lenços umedecidos, algodões, água quente, lixinho, enfim... Era um spa infantil.

Pai também cansa... Nessa mesma noite Zoe ficou acordada das 00h30 até as 1h30 e eu tinha de resolver a parada sem que Katy desperte e possa dormir um pouco. Ok, às 1h30 dormiu até as 4h30 da manhã quando quis mamadeira de novo. Das 4h30 já nem dormi mais. Já emendei um banho e um café e mais tarde um chá de coca.

Super mãe, como todas as mães super.
Ser mãe/pai cansa fisicamente prá dedéu... Eu não disse canse ser mãe, eu me refiro a que elas são pessoas de carne e osso e que suas reservas energéticas não podem ressarcir-se com o suquinho dos Ursinhos Gummy muito menos como o Popeye (que desenho mais feio esse, creindeuspai) com espinafre. Os pais comem, tomam banho, trepam (quando não há visita, sogros, empregada etc), comem a unha, assistem ao futebol, vão ao banco etc. E quando ouço sobre essas guerreiras mães que lavam, passam, cozinham, limpam a casa, trabalham fora, cuidam da criança e ainda fazem o bolinho de cenoura do esposo e s-o-z-i-n-h-a-s, penso por que em alguns casos não se rebelam? Eu sempre ajudo em casa, mas vai de cada um. No final, tudo vale a pena! O que ganhamos é enorme!



Mini-me

Ontem fomos ao pediatra, e ela teve da armar as coisas com a meus sogros para levar Zoe ao consultório. Eu estava exercendo minha função trabalhista de carteira assinada (mãe trabalha em casa, meu chapa) cheguei na hora da consulta, mas cheguei. Por coincidências da vida, estava Pamela e sua filha Flávia (tão linda a mini-orca) no consultório. A reunião dazamigas tem outros temas agora...

Zoe, com um mês praticamente, ingere a mesma quantidade de fórmula que a filha de um amigo meu do trabalho que leva dois meses, resultado: Zoe nasceu com 2.300 kg e está com 3.200 kg e tinha 43 cm e já tem 51,5 cm. Antes havíamos feito apostas (podem rir rs), quem pusesse o menor peso, pagaria as pizzas da promoção do Pizza Hut que às terças faz 2x1. Katy perdeu, pasmem, a mãe. Ela havia chutado 2.800. Eu chutei 3.150 kg. Segundo o pediatra são números excelentes, sinal que não somente a fórmula fez seu trabalho, mas o leite materno cumpriu seu papel.

Zoe tá a cara do pai, mas ela sim, é bonita como a mãe.


Meu alecrim em preto e branco




Trilha
Falar a Verdade - Cidade Negra
Truth Hides - Asian Dub Foundation
Rainy Day Woman - Ana Cañas


12 comentários:

  1. Lembro-me muito bem dos primeiros meses com bebê em casa: a falta de sono, o cansaço... Faz parte! E passa muito rápido... Nem dá pra acreditar!!!

    E a Zoe está a cada dia mais linda mesmo! Um verdadeiro anjo!

    ResponderExcluir
  2. Meu amigo Jorge!
    Acho que nunca vi alguém narrar tão bem o papel de mãe! Você esta certíssimo! E acho lindo essa sua relação com sua esposa e filha, o quanto você participa de tudo, é um paizão presente! Parabéns meu querido!
    O cansaço aqui esta demais! Parece um zumbi ambulante. Mas graças a Deus, tenho meu namorado que me ajuda muito também :))

    ResponderExcluir
  3. Amigo sei bem como é isso, nossa esse primeiro mês parecia um zumbi ou urso panda. Mas por incrível que pareça passa e depois ficamos com saudade.

    Tri-beijos Desirée
    http://astrigemeasdemanaus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Bolo de cenoura! O meu favorito de todo o universo intergalático...
    Cara, como a Zo-zo tá linda, ufa... puxou a Katy!

    ResponderExcluir
  5. Acredito que os primeiros meses são exaustivos mesmo, em algum momento você olha pro rostinho de um anjinho lindo como Zoe e todo cansaço vai embora ne?!!!
    Força na "piruca", já já ela cresce e as dificuldades mudam....
    Bjus
    http://seraquevousermae.blogspot.com/

    *lindíssima sua Zoe =)

    ResponderExcluir
  6. Que família linda! Katy e Zoe tem sorte!! Você é um super pai!!
    E quanto à pizza, hmm, fiquei na vontade! (eu ri da aposta, rs).
    Zoe está grandona, uma graça!! Queria muito q desse para todos fazermos uma reuniao com os babys. Seria demais!!

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pela família linda que tens!!!! Permaneça sempre sendo esse paizão super presente e participativo na vida da sua princesinha!!!! Abraço!!!

    ResponderExcluir
  8. Realmente, ser mãe cansa, muito!
    Mas é a melhor coisa do mundo.
    Eu, às vezes, reclamo que quero dormir, ou quero que a Nina durma. e aí, quando ela dorme, quase quero acordá-la... kkkk... vai entender, né?!?!
    Muito bom quando os dois pegam junto nas tarefas e se ajudam.
    Zoe está vendo pai e mãe juntos. Isso é maravilhoso!
    E que linda e grande ela está! parabéns aos papais pela linda filhota.
    Abs!

    ResponderExcluir
  9. Imagino a canseira que dá! kkkkkkk! Tenho que me preparar psicologicamente e fisicamente pra isso! kkkkkkkkkkk! Beijos pra vc, e a Zoe tá mesmo cada dia mais lindinha!

    ResponderExcluir
  10. Zoe gorduchinha...linda de ver! dá um monte de beijos nela por mim!e parabéns por ser um grande pai e marido, é difícil encontrar isso entre a sua "classe"...rsrsrsr

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Cansa e muito! Só o amor recarrega, fato! Eu também fico chocada quando vejo exemplos de mulheres que fazem tudo sozinhas! Tenho vontade de dar um abraço!!!
    Zoe está um arraso!!! E que fome, hein, colega?! HAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
  12. Oi Jorge,
    Realmente pai e mãe cansam e muito! Que linda sua participação e envolvimento nesses momentos iniciais com Zoe!
    Eu super tiro o chapéu para essas mães que fazem tudo mesmo sozinha...que, além de cuidar do bebê, do marido, cuidam da casa e de si...e olha que não é fácil, mesmo!! rsrsrs
    Zoe está lindaa!
    Bjos,
    Larissa Andrade.

    http://maternidadeecotidiano.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Sigam-me os bons

Os escolhidos

Os escolhidos
Sim, porque eles nos escolheram.

Quem sou eu

Minha foto
Nasci em 1976 em São Paulo/Brasil - Brasil. Vivo em Lima/Peru. São-paulino, jornalista e pai de Zoe, minha amada filha com minha doce Katy, peruana de Lima. Sou um cara que escreve sobre experiências, crônicas e tudo que se relacionou com a gravidez múltipla dela e crescimento da filhota. Na semana 34 tivemos a ida de Mateo de volta ao paraíso. Zoe ficou para ilustrar nossa vida num 29/10/2013 e nasceu com 36 semanas. Uma prematurinha linda que cresce saudavelmente.

Seguidores